Winyl Player


Imagine um player de áudio supercompacto e com um visual incrível contando também com a possibilidade de criar bibliotecas musicais e gaste pouca memória para isso. Se vocês estiverem imaginando que este player não existe ou que eu estou exagerando, é sinal que vocês ainda não conheceram o Winyl Player. Confira logo abaixo:
O Winyl consome somente 13 MB durante a execução de uma música (no Windows Vista) e ocupa em média 5 MB de espaço em disco.

Entretanto, se você é fã de multimídia e usa o seu player padrão para vídeos e afins, então, esqueça a idéia de usar o Winyl, uma vez que ele é um player exclusivo para arquivos de áudio (música).

Mas, a desvantagem para por aí. A Biblioteca de Mídia é muito mais simples e fácil de ser usada do que a do Windows Media Player ou do Winamp Full. Isso é explicado pela existência de ícones separativos dentro das categorias, as quais funcionam em um sistema de árvore (de forma semelhante ao Windows Explorer) e, diferente de WMP e Winamp, não misturam várias informações e, portanto, não dificultam a localização de músicas.

Winyl em execução com uma das skins

Como você já deve ter reparado, o grande forte do Winyl é a sua simplicidade, assim como a sua leveza. Levando isso em consideração, você deve achar que usá-lo é fácil… e está certo, usar o Winyl é muito fácil!

Quando você abre o programa pela primeira vez, uma janela de adição de faixas à biblioteca será aberta também, nela será possível definir uma pasta para que o Winyl vigie, excluindo assim a necessidade de ficar adicionando cada música nova baixada em seu computador (desde que adicionadas à pasta definida).

Porém, antes de adicionar qualquer música, é possível que você prefira usar o Winyl em sua tradução portuguesa. Para isso, clique com o botão direito ao lado das opções de execução (play, stop, etc.), selecione “Select Language…” e defina “Portuguese (Brazil)” como a língua padrão do player. Voltemos à biblioteca.

Menu de  contexto

Para adicionar arquivos a uma lista de reprodução e, consequentemente, à biblioteca, existem três maneiras: adicionar à biblioteca, arrastar os arquivos desejados para a janela do Winyl ou clicar com o botão direito sobre uma música e escolher “Abrir”. Na primeira hipótese, basta clicar com o botão direito ao lado das opções de execução e escolher a opção “Biblioteca…”. Por outro lado, para criar novas listas de reprodução, é necessário clicar com o botão direito sobre “Listas de Reprodução” e escolher “Nova Lista de Reprodução”.

Agora que você sabe como alterar a linguagem do player, criar uma lista de reprodução e adicionar novas músicas, já está pronto para usar o Winyl sem ter medo de ser feliz. Além disso, como você deve imaginar, existem outras opções no Winyl, porém elas são autoexplicativas, além de seguirem o mesmo princípio básico para serem acessadas: clicar com o botão direito sobre algum lugar.

Se quiser saber mais informações e opiniões dos usuários do player, além de – é claro – efetuar download, clique em osso selo abaixo:

Fonte: Baixaki

Anúncios

Sobre Jorge Afonso

Meu nome é Jorge Afonso Filgueiras Quinelato. Sou brasileiro, solteiro, bacharel em Administração e Técnico de TI trabalhando para o governo. Sou apaixonado por tecnologia e deskmod.

Publicado em 05/02/2010, em 7, Informativo, Softwares, Tudo, Vista, Windows, XP. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Sua opinião é importante para nós. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: