Sobretaxação de Importados no Brasil


Bom dia gente, é bom estar novamente teclando com vocês. Hoje eu trago uma notícia interessante em relação a importação de produtos industrializados e o mercado brasileiro. Confira logo abaixo:

O ministro Carlos Lupi defendeu nesta quarta-feira (14) impostos maiores para os produtos importados com objetivo de defender a indústria nacional. O ministro se mostrou preocupado especificamente com o setor de automóveis, que vem registrando menor geração de empregos em função da invasão de carros importados no país.

“Nós tivemos redução de praticamente 40% de empregos gerados na indústria automobilística este ano. Tivemos aumento muito forte na entrada de importados, e eu gostaria de solicitar que os brasileiros dessem preferência ao carro nacional”. – disse o ministro.

Fonte: Portal R7

Bem, sinceramente, eu creio que estamos retomando as medidas protecionistas da época da ditadura militar brasileira e que vai acontecer no país um retrocesso/atraso tecnológico devido a isso.

Vaículos importados estão sim tirando empregos no setor industrial brasileiro, entretanto, foi graças a estes mesmos importados que foi feita a inovação no setor automotivo, caso contrário, a Fiat nunca iria lançar o Novo Uno com nova plataforma, design e mais itens de segurança que a versão Mille. A Volkswagen adentraria a versão G5 do Gol novamente como reestilização e o Ford Ka, não teria sido redesenhado com o conforto que tem hoje. Isso entre os modelos de entrada, que estão na briga os importados: Jac J3, Lifan 320 e Chery Cielo.

Com relação a modelos de médio porte, comecemos pelos sedãs médios: a Chevrolet finalmente abandonou o Astra e adotou o projeto global Cruze, devido ao grande risco de perder mercado para o Kia Cerato e Lifan 620.Isso também serve para o Ford Focus Sedan.

Nos compactos Premium/Esportivos: o Ford Focus Hatch e o Chevrolet Vectra GT-X, Fiat Bravo (este lançado a pouco tempo, aliás) e Volkswagen Golf tiveram reestilizações, diminuição de preço ou futuras versões confirmadas devido a entrada do Hyundai i30 e do Kia Soul no país, que aliás já estará chegando em sua segunda geração muito mais ousada nos próximos meses.

Se o governo quer tanto assim ajudar o país a se desenvolver, eu aconselharia não a sobretaxar os veículos importados, mas sim criar uma política de teste de segurança ao estilo alemão. Pois assim, os importados e nacionais teriam que melhorar em qualidade, segurança e acabamento para melhor atender aos consumidores que buscam por isso quando estão a procura de um carro. Além de também reduzir os impostos de produção relacionada a tais produtos…

Bem, é isso. Sei que não sou nenhum especialista em economia e em mercado automobilístico, afinal sou um blogueiro de informática, mas creio que isso estimularia o desenvolvimento industrial, aprimoraria nossas “carroças” e quem sairia ganhando com isso é o consumidor.

Sobre Jorge Afonso

Meu nome é Jorge Afonso Filgueiras Quinelato. Sou brasileiro, solteiro, bacharel em Administração e Técnico de TI trabalhando para o governo. Sou apaixonado por tecnologia e deskmod.

Publicado em 19/09/2011, em Informativo, Tudo. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Sua opinião é importante para nós. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: