PinguyOS – O Linux descomplicado


O PinguyOS é uma distribuição do Linux pensada para usuários novatos, possui uma barra de ferramentas a lá MacOSX com uma dock e uma sidebar demonstrando as informações do sistema.

Apesar de adotar uma menubar ao estilo do sistema operacional da maçã mordida, nele encontramos um botão de menu equivalente ao menu iniciar do Windows. Os programas instalados nessa distro são os mais populares e amados pelos usuários do mundo opensource. Mas antes de qualquer coisa: “Porque Pinguy OS?”. Bem, é uma história interessante. Confira:

O seu criador, Antony Norman, no primário recebeu o apelido de Pingu devido ao seu andar meio desajeitado. Bem, não tenho certeza, mas, ao procurar por Pingu na internet, eu só encontrei fontes que mencionavam um pinguim animado feito em massa de modelar que tinha este nome:

Criador recebera o apelido de um personagem infantil

Quando Antony começou a navegar na internet ele se registrou como “Pinguy” afinal, ele não queria correr riscos relativos a direitos autorais sobre o nome Pingu.

Antony, então começou a destrinchar uma versão do linux. Primeiramente, ele removeu todo entulho que usuário comum não acessaria e trocou os softwares tradicionais da build. No lugar deles, foram colocados os softwares mais amigáveis da comunidade opensource.

A princípio, essa distro estava apenas disponível para familiares e amigos de Antony, mas devido a sua popularidade neste círculo, os amigos insistiram que Antony disponibilizasse ela para outros usuários. Então, Antony publicou sobre o nome de PinguyOS.

Ao terminar a instalação, que demora aproximadamente 15 minutos dependendo obviamente da velocidade do sistema, a maior parte dos usos mais comuns de um computador estão disponíveis de imediato. E-mail, Internet Browser, Media Player, Media Center, Partilha de Ficheiros, Suite de Aplicativos, Edição e Conversão de Vídeos entre outros. Mas mais importante ainda, raramente é necessário procurar drivers de vídeo, áudio, rede, impressoras… Como todo Linux que se preze.

Durante o processo de criação do Sistema, todas as aplicações que necessitavam de configuração já foram configuradas de forma que tornou-se possível o seu uso imediato. Para quem não entendeu bem isso, tudo o que está instalado, vai funcionar logo no primeiro arranque sem necessidade de configuração. Entretanto, o utilizador, caso queira, poderá alterar essas configurações a qualquer momento.

De entre as inúmeras vantagens temos o Java pré-instalado e configurado, Flash, toda a variedade de codecs necessários, Samba pré-configurado de forma que basta fazer click-direito em qualquer pasta para a partilhar na sua rede, DLNA que permite a partilha de vídeos, músicas e outras mídias, com consoles PS3, XBox360, Smartphones e outros equipamentos com funcionalidade DLNA (como vários modelos de televisores).

Como gestor de upgrades, utiliza o Mint Upgrade e como Menu Principal o Mint Menu, com todas as óbvias vantagens que isso implica. Traz também por omissão instalado e aplicado no painel, a Global menu, e um System Monitor que lhe permitem manter debaixo de olho a utilização de recursos da sua máquina.

Imagens do sistema:

Navegador de Arquivos

Interface com Menu Inicial

Mozilla Firefox

Para quem gostou do sistema, ele tem imagens ISO disponíveis nas versões 32 bits [1,56 GB] e 64 bits [1,7 GB].

Anúncios

Sobre Jorge Afonso

Meu nome é Jorge Afonso Filgueiras Quinelato. Sou brasileiro, solteiro, bacharel em Administração e Técnico de TI trabalhando para o governo. Sou apaixonado por tecnologia e deskmod.

Publicado em 26/09/2011, em Gnome, Informativo, Linux, Softwares, Tudo. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Sua opinião é importante para nós. Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: